Brasil volta a superar mil mortes diárias por COVID-19

2020-09-16 10:25:56丨portuguese.xinhuanet.com

Rio de Janeiro, 15 set (Xinhua) -- O Brasil triplicou o número de mortes (1.113) registradas nas últimas 24 horas causadas pela doença do novo coronavírus (COVID-19) enquanto a cifra de novos casos no mesmo período mais do que dobrou, segundo balanço oficial divulgado nesta terça-feira pelo Ministério da Saúde.

De acordo com os dados atualizados pelo governo, as mortes e os casos positivos dispararam em comparação com a segunda-feira, quando foram contabilizados 381 óbitos e 15.155 novos casos.

O total de mortos alcançou a 133.119 e o acumulado de pessoas infectadas desde o início da pandemia já chegou a 4.382.263.

Epicentro da COVID-19 no Brasil, o estado de São Paulo é o mais afetado pelo vírus, com 901.271 casos e 32.963 mortes, seguido pelo Rio de Janeiro, com 244.418 positivos e 17.180 óbitos.

Nesta terça-feira, o governo brasileiro autorizou à Universidade de Oxford e à farmacêutica AstraZeneca dobrarem o número de voluntários que participam dos testes da vacina, passando de 5.000 para 10.000.

A chamada "Vacina de Oxford" passará a ser distribuída em seis centros brasileiros, o dobro dos três atuais, e também se eliminará o limite da idade para poder aumentar o conhecimento de seus efeitos em todas as pessoas.

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001393719991