Fiocruz alerta sobre possível segunda onda da COVID-19 em quatro estados brasileiros

2020-08-01 18:14:33丨portuguese.xinhuanet.com

Rio de Janeiro, 31 jul (Xinhua) -- A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), referência em pesquisa biomédica na América Latina, alertou sobre uma possível "segunda onda" do novo coronavírus em quatro estados brasileiros devido ao aumento de contágios registrados nos últimos dias.

Segundo o boletim Infogripe, divulgado semanalmente pela Fiocruz, os estados do Rio de Janeiro (sudeste), Amapá (norte), Maranhão e Ceará (nordeste) mostram sinais de crescimento da doença, principalmente em suas capitais, Rio de Janeiro, Macapá, São Luis e Fortaleza, respectivamente.

O pesquisador e coordenador do Infogripe, Marcelo Gomes, afirmou que a projeção para todo o Brasil "indica que não estamos em uma situação tranquila. Estamos com uma estimativa de que o número de novos casos semanais pode estar acima do primeiro pico, registrado em maio".

Segundo o boletim, há uma estabilização no número de novos casos semanais da Síndrome Respiratória Aguda Grave (SARS) no país, após o crescimento registrado e junho, embora essa estabilização ocorra em um nível de casos "muito alto".

Os dados da SARS estão associados à COVID-19. Entre as ocorrências com resultado positivo para os vírus respiratórios, 96,7% dos casos e 99,1% das mortes foram causados pelo novo coronavírus.

O Brasil é o segundo país do mundo mais afetado pela COVID-19, atrás apenas dos Estados Unidos. De acordo com o último balanço divulgado pelo governo, a pandemia já causou pelo menos 92.475 mortos e 2.662.485 casos positivos.

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001392572731