Mais de 90 profissionais de saúde em Moçambique pegam COVID-19

2020-06-29 16:09:02丨portuguese.xinhuanet.com

Maputo, 29 jun (Xinhua) -- O presidente moçambicano, Filipe Nyusi, anunciou no domingo que 91 profissionais de saúde, incluindo médicos e enfermeiros, foram infectados com o novo coronavírus em seu país.

O presidente deu a informação em um anúncio na televisão para estender o estado de emergência pela terceira vez, como parte dos esforços do governo para conter a disseminação da COVID-19.

Nyusi afirmou que a situação da pandemia em Moçambique ainda é preocupante, ele também que acrescentou que o mês de junho está sendo extremamente marcante.

"Este mês, registramos casos de coronavírus que abrangem principalmente jovens e adultos", revelou Nyusi.

O gráfico mostra que o país está passando para a fase de transmissão comunitária, mas a tendência ainda pode ser revertida se as pessoas se unirem e obedecerem as medidas preventivas, disse.

Desde o relato do primeiro caso de COVID-19 em 22 de março, o país já registrou 859 casos, com cinco mortes e 228 recuperações.

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001391752491