(Multimídia) Casos de COVID-19 na África ultrapassam 370 mil, diz Africa CDC

2020-06-29 11:10:21丨portuguese.xinhuanet.com

Um funcionário testa a temperatura corporal de uma aluna em uma escola em Iaundé, Camarões, em 1º de junho de 2020. (Xinhua/Jean Pierre Kepseu)

Adis Abeba, 28 jun (Xinhua) -- O número de casos confirmados de COVID-19 em todo o continente africano atingiu 371.548 até a manhã de domingo, anunciaram os Centros da África para Controle e Prevenção de Doenças (Africa CDC).

A instituição, em sua última atualização da situação divulgada na manhã de domingo, disse que o número de casos confirmados de COVID-19 em todo o continente aumentou de 359.408 na tarde de sábado para 371.548 na manhã de domingo.

A agência continental de controle e prevenção de doenças também divulgou que o número de mortos pela pandemia aumentou de 9.283 para 9.484 até a manhã do domingo.

Em meio à rápida disseminação do vírus em todo o continente, os países africanos altamente afetados em termos de casos positivos incluem a África do Sul com 131.800 casos confirmados, o Egito com 63.923, a Nigéria com 24.077 e Gana com 16.431.

O órgão também disse que a região da África Austral é agora a área mais afetada em todo o continente em termos de casos positivos da COVID-19.

John Nkengasong, diretor da entidade, pediu na sexta-feira ao continente africano que se prepare para um aumento no número de casos após abrandar os bloqueios, pois observou que o início da pandemia da COVID-19 foi atrasado na África, mas o número de casos e as mortes "estão aumentando rapidamente todos os dias".

Duas crianças usando máscara facial caminham em uma rua em Harare, Zimbábue, 4 de maio de 2020. (Xinhua/Shaun Jusa)

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001391746831