Assembleia Nacional da Venezuela condena sanções dos EUA aos legisladores

2020-01-15 13:20:16丨portuguese.xinhuanet.com

Caracas, 13 jan (Xinhua) -- O presidente da Assembleia Nacional da Venezuela, Luis Parra, denunciou na segunda-feira as sanções dos EUA contra os membros recém-eleitos do conselho de administração do corpo legislativo.

"Rejeitamos energética e categoricamente as sanções contra deputados da Assembleia Nacional da República Bolivariana da Venezuela, que representam o povo como um todo", disse Parra em comunicado no Twitter.

"É inaceitável que governos estrangeiros suponham determinar as ações... de nossos legisladores", afirmou ele.

O Departamento do Tesouro dos EUA anunciou no início do dia que impôs sanções a sete delegados da legislatura, incluindo Parra, acusando o conselho de diretores de "tentativa ilegítima de aquisição da Assembleia Nacional da Venezuela".

Os membros do conselho foram eleitos de acordo com os regulamentos da assembleia, observou Parra.

O líder da oposição direta, Juan Guaido, perdeu sua tentativa de reeleição como presidente da assembleia para Parra há mais de uma semana, um resultado que Guaido e seu grupo se recusaram a aceitar.

Os Estados Unidos seguem uma política de sanções econômicas e isolamento diplomático contra o governo venezuelano em apoio a Guaido.

 

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001387064631