(Multimídia) Empresas privadas lideram importações e exportações da China pela primeira vez

2020-01-14 17:25:07丨portuguese.xinhuanet.com

Foto aérea tirada em 27 de agosto de 2019 mostra navios de carga em um cais do porto de Wenfeng, na área de Caofeidian da Zona Piloto de Livre Comércio da China (Hebei), na Província de Hebei, norte da China. (Xinhua/Yang Shiyao)

Beijing, 14 jan (Xinhua) -- As empresas privadas ultrapassaram em 2019 pela primeira vez as companhias de capital estrangeiro como as maiores contribuidoras para o comércio exterior da China, mostraram os dados aduaneiros nesta terça-feira.

As importações e exportações agregadas geradas pelas empresas privadas da China aumentaram 11,4% em termos anuais, para 13,48 trilhões de yuans (US$ 1,95 trilhão). O número corresponde a 42,7% do total do país, saltando 3,1 pontos percentuais em relação a 2018, segundo a Administração Geral das Alfândegas.

Em 2019, as exportações das empresas privadas aumentaram 13%, para 8,9 trilhões de yuans, ocupando 51,6% das exportações chinesas, enquanto suas importações se expandiram 8,4%, para 4,58 trilhões de yuans, respondendo por 32% das importações do país.

As empresas com investimento estrangeiro responderam por 39,9% do comércio exterior da China, com o volume comercial caindo 3,2%, para 12,57 trilhões de yuans.

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011102121387042201