Presidente do Djibuti se reúne com chanceler chinês e busca fortalecer cooperação em economias azul e digital

2020-01-10 12:25:07丨portuguese.xinhuanet.com

DJIBOUTI-PRESIDENT-CHINA-WANG YI-MEETING

(Xinhua/Xie Han)

Djibuti, 9 jan (Xinhua) -- O presidente do Djibuti, Ismail Omar Guelleh, elogiou na quinta-feira a parceria estratégica Djibuti-China e agradeceu o governo e o povo chineses por sua ajuda ao desenvolvimento econômico e social do Djibuti.

Durante uma reunião realizada no Djibuti com o conselheiro de Estado e ministro das Relações Exteriores da China, Wang Yi, Guelleh disse que a relação Djibuti-China se desenvolveu profundamente e teve resultados frutíferos em diferentes campos, e que o Djibuti tem um sentimento de amizade para com o povo chinês e considera a China como um amigo sincero e um parceiro indispensável.

O presidente disse que esta nação do Chifre da África espera ampliar a cooperação com a China nos campos da economia azul e economia digital.

Ele assinalou que a ferrovia Djibuti-Etiópia, construída pela China, foi favorável para promover a conectividade regional e a integração econômica, e se tornou um modelo de cooperação entre a África e a China.

O Djibuti está disposto a participar ativamente na construção conjunta da Iniciativa do Cinturão e Rota e a implementar os projetos relacionados com oito importantes iniciativas acertadas durante a cúpula do Fórum de Cooperação China-África (FOCAC, em inglês) realizada em 2018 em Beijing, acrescentou.

Por sua parte, Wang Yi disse que a parceria estratégica entre as duas nações manteve um elevado nível de desenvolvimento e observou que o presidente Guelleh concedeu grande importância aos laços com a China dado que visitou a China três vezes nos últimos três anos.

Wang disse que a China e o Djibuti sempre se respeitaram, se apoiaram e se ajudaram mutuamente em um modelo de cooperação de benefício mútuo entre países grandes e pequenos, e acrescentou que a China apoia firmemente o caminho de desenvolvimento do Djibuti que se ajusta a suas condições nacionais.

"A China aprecia a participação ativa do Djibuti na cooperação do Cinturão e Rota e considera o Djibuti um bom amigo, bom parceiro e bom irmão", disse Wang.

Wang acrescentou que a China está disposta a alinhar a construção da Iniciativa do Cinturão e Rota e a implementação dos resultados da Cúpula de Beijing do FOCAC com o plano de desenvolvimento do Djibuti, Visão Djibuti 2035, e a fortalecer a cooperação em áreas que incluem a economia azul, as telecomunicações e a economia digital.

A China também está disposta a trabalhar com o Djibuti para permitir que projetos como a ferrovia Djibuti-Etiópia e o porto multipropósito de Doraleh tenham um maior impacto econômico e social, a fim de tornar o Djibuti em um centro comercial e logístico regional através da promoção do desenvolvimento coordenado da ferrovia, porto e zona de livre comércio do Djibuti, disse Wang.

A China continuará apoiando o desenvolvimento econômico e social do Djibuti, acrescentou.

Na quinta-feira, Wang também conversou com o ministro das Relações Exteriores e Cooperação Internacional do Djibuti, Mahmoud Ali Youssouf, e juntos se reuniram com a imprensa.

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001386935681