Xi enfatiza forte apoio estratégico entre China e Rússia

2019-12-03 11:37:31丨portuguese.xinhuanet.com

CHINA-BEIJING-XI JINPING-RUSSIA-SECURITY COUNCIL SECRETARY-MEETING (CN)

(Xinhua/Li Tao)

Beijing, 3 dez (Xinhua) -- O presidente chinês, Xi Jinping, disse na segunda-feira que a China e a Rússia devem ficar mais perto, ser sempre parceiras estratégicas sinceras e confiáveis e dar uma à outra apoio firme e forte em meio à complexa e volátil situação internacional.

Xi fez as observações ao se reunir com o secretário do Conselho de Segurança da Rússia, Nikolai Patrushev, no Grande Palácio do Povo, em Beijing.

Observando que os laços dos dois países entraram em uma nova era, Xi disse que a China e a Rússia este ano comemoraram com sucesso o 70º aniversário do estabelecimento dos laços diplomáticos.

Este ano, os Estados Unidos e alguns outros países ocidentais aumentaram sua interferência nos assuntos internos da China e da Rússia, ameaçaram a segurança soberana dos dois países e obstruíram o desenvolvimento socioeconômico deles, observou Xi.

O lado chinês concorda plenamente com o comentário do presidente russo, Vladimir Putin, de que essa abordagem é totalmente errada e prejudica outros países sem beneficiar a eles próprios, disse Xi.

"Eu acredito firmemente que nenhuma força impedirá o povo e a nação da China de avançar", disse ele, expressando sua crença de que o povo russo também não será afetado por interferências externas e continuará a seguir inabalável seu próprio caminho de desenvolvimento.

O presidente chinês instou que os dois países continuem fazendo bom uso dos mecanismos de consulta estratégica de segurança e cooperação institucional na aplicação da lei e segurança para fortalecer a comunicação estratégica de segurança para aumentar a confiança estratégica mútua, salvaguardar os respectivos interesses principais e sua segurança comum e manter a paz e estabilidade regional e global.

Saudando os laços bilaterais como sólidos e inquebráveis, Patrushev disse que a Rússia e a China são parceiros estratégicos abrangentes de coordenação com significado estratégico e que a cooperação dos dois países em vários campos atingiu um nível sem precedentes.

Uma série de políticas adotadas pelos Estados Unidos não apenas minou os interesses da Rússia e da China, mas também exerceu um impacto negativo em todo o sistema e ordem internacionais, afirmou.

A Rússia e a China compartilham a mesma ou similar posição em muitas questões internacionais importantes, disse Patrushev, pedindo os que os dois lados continuem a intensificar a coordenação, salvaguardar a respectiva soberania e segurança, manter a estabilidade estratégica internacional, promover a multipolarização e a democracia nas relações internacionais, e defender as leis internacionais, bem como a ordem internacional justa.

Antes, também na segunda-feira, Patrushev tinha se reunido com Guo Shengkun, membro do Birô Político do Comitê Central do Partido Comunista da China (PCC) e diretor da Comissão de Assuntos Políticos e Jurídicos do Comitê Central do PCC. Eles também copresidiram a sexta reunião entre China e Rússia sobre cooperação institucional na aplicação da lei e segurança.

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001386019941