(Multimídia) Pegadas de dinossauro de 100 milhões de anos são descobertas no leste da China

2019-10-09 18:04:22丨portuguese.xinhuanet.com

Foto tirada no dia 24 de março de 2019, mostra a pegada de dinossauro em um vilarejo da cidade de Lanxi, na Província de Zhejiang, no leste da China. (Universidade de Geociências da China/Xing Lida)

Beijing, 9 out (Xinhua) -- Paleontologistas anunciaram nesta terça-feira em Beijing a descoberta de um grupo de fósseis de pegadas de dinossauro na Província de Zhejiang, no leste da China, que datam de 100 milhões de anos.

Mais de 20 pegadas, com comprimentos entre 22,7 cm e 82 cm, foram identificadas em um vilarejo da cidade de Lanxi, revelou Xing Lida, professor associado da Universidade de Geociências da China (Beijing). Segundo as estimativas de especialistas, o comprimento do corpo dos dinossauros varia de 3,8 a 14 metros.

Acredita-se que as pegadas remontam ao Período Cretáceo, há 100 milhões de anos, indicando que um grande número de saurópodes vivia nesta área, onde haveria grande riqueza de recursos hídricos e alimentares naquela época. Especialistas pressupõem que haveria dinossauros carnívoros em simbiose com estes herbívoros, mas nenhuma evidência foi encontrada até agora.

Xing e o professor da Universidade do Colorado, Martin Lockley, estão entre os autores do estudo, que foi publicado na revista científica Historical Biology.

Os paleontólogos estão trabalhando com as autoridades locais para proteger melhor essas raras pegadas.

Foto tirada no dia 24 de março de 2019, mostra a pegada de dinossauro em um vilarejo da cidade de Lanxi, na Província de Zhejiang, no leste da China. (Universidade de Geociências da China/Xing Lida)

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001384584841