Projeto GNL trará enormes ganhos para Moçambique, segundo presidente

2019-10-09 14:31:15丨portuguese.xinhuanet.com

Maputo, 8 out (Xinhua) -- O presidente moçambicano, Filipe Nyusi, disse na terça-feira em Maputo que o projeto de gás natural liquefeito (GNL) trará, em sua capacidade máxima, enormes ganhos de 46 bilhões de dólares americanos para o estado e vários benefícios para os moçambicanos.

Nyusi falou durante a cerimônia de Tomada de Decisão de Investimento Inicial do projeto Área 4 GNL na bacia do Rovuma, onde as concessionárias lideradas pela Exxon Mobil anunciaram o investimento de 520 milhões de dólares na fase inicial de construção.

A decisão final de investimento deveria ser anunciada no primeiro semestre de 2020, com 20.000 empregos estimados para serem criados por meio do megaprojeto.

O crescimento do PIB como resultado do investimento melhorará a capacidade do governo de responder aos problemas que afetam o povo moçambicano, disse Nyusi, acrescentando que a qualidade dos serviços públicos e investimentos em educação, saúde e previdência social também serão aumentados.

Ele disse que a contribuição potencial do setor de gás servirá como uma maneira de diversificar a economia nacional, catalisando o processo de industrialização da agricultura.

"Isso permitirá que as famílias rurais passem da agricultura de subsistência para a agricultura comercial, com melhor infraestrutura de apoio para facilitar o acesso ao mercado, assim, melhorando suas vidas", disse Nyusi.

O presidente também destacou que a indústria do petróleo é cara, pois leva muitos anos para que seus benefícios sejam visíveis aos investidores e ao país.

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001384580661