Brasil confirma endosso dos EUA ao filho do presidente como embaixador

2019-08-12 11:20:55丨portuguese.xinhuanet.com

Brasília, 9 ago (Xinhua) - O Ministério das Relações Exteriores do Brasil disse na sexta-feira que recebeu aprovação dos Estados Unidos para a nomeação do filho do presidente brasileiro, Eduardo Bolsonaro, como embaixador no país.

A solicitação de "acordo", como é chamada a consulta, foi enviada no final de julho para o Departamento de Estado dos EUA, e o Brasil recebeu uma resposta positiva, informou a assessoria de imprensa do Ministério das Relações Exteriores.

A nomeação de Eduardo Bolsonaro, filho do presidente Jair Bolsonaro, ainda precisa ser aprovada pelo Senado brasileiro, segundo a lei.

Se o Senado aprovar sua nomeação, ele realizará "um trabalho intenso e árduo", disse Eduardo Bolsonaro após se reunir com o ministro das Relações Exteriores do Brasil, Ernesto Araújo.

Haverá "uma direção verdadeiramente estratégica para aprofundar a cooperação entre os dois países e promover a segurança, a prosperidade e o bem-estar de todos os brasileiros e americanos", afirmou ele.

Eduardo Bolsonaro, que acaba de completar 35 anos, tem a idade mínima exigida para ocupar o cargo de embaixador, é representante federal e chefia o Comitê de Relações Exteriores da Câmara.

A embaixada brasileira em Washington ficou sem embaixador desde abril, quando Bolsonaro demitiu o anterior.

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001383027091