China pede que empresas de entrega sejam mais sustentáveis

2019-02-11 15:32:34丨portuguese.xinhuanet.com

Beijing, 11 fev (Xinhua) -- O governo chinês pediu que as empresas chinesas de entrega aumentem a reutilização de embalagens para reduzir a geração de lixo e se tornarem mais ecológicas, noticiou na sexta-feira o China Daily.

Citando uma diretriz da Administração Estatal de Correios sobre o desenvolvimento ecológico na indústria de entrega expressa, o jornal disse que as empresas devem ter contêineres em suas lojas de serviço para coletar embalagens reutilizável e que devem evitar usar sacolas plásticas aumentando o uso de bolsas e caixas reutilizáveis.

Os materiais de embalagem ecológica, tais como os impressos com tinta ecológica e aquosa, devem ter prioridade.

A próspera indústria de entrega rápida da China usou cerca de 17,9 bilhões de sacolas plásticas, 8,6 bilhões de caixas de papelão e 330 milhões de rolos de fitas adesivas em 2016. Este ano o número deverá atingir 60 bilhões, disse o jornal.

A Administração Estatal de Correios disse que o lixo da indústria de entrega rápida correspondeu por cerca de 93% do crescimento do lixo doméstico nas grandes cidades.

"Nessas circunstâncias, é imperativo promover as embalagens verdes ecológicas", disse Li Tianjiao, especialista em ação verde da Cainiao Network, citado pelo jornal.

Para corrigir a situação, o governo pediu pelo aumento do uso de embalagens plásticas biodegradáveis, a maior parte da qual pode se degradar dentro de um ano sob condições favoráveis.

Ba Ning, subdiretor executivo do centro de teste do Instituto de Pesquisa da China Post, disse que usar sacolas plásticas biodegradáveis podem dobrar o custo da embalagem. Segundo o jornal, isso vai ser um desafio para o desenvolvimento da indústria de entrega rápida.

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001378131531