Banco central da China estabelece departamento para reforçar regulação financeira

2019-02-03 20:12:33丨portuguese.xinhuanet.com

Beijing, 3 fev (Xinhua) -- O Banco Popular da China (BPC) estabeleceu uma instituição para melhorar a regulação financeira e prevenção de riscos.

O banco central chinês estabeleceu um departamento de gestão macro-prudente para substituir o prévio de câmbio estrangeiro, segundo um comunicado.

O departamento será responsável por formular políticas macro-prudentes, avaliar agências financeiras, esboçar regras e regulamentos, além de monitorar riscos financeiros.

O novo segmento também se encarregará das funções relacionadas ao câmbio estrangeiro, tais como avaliar políticas de câmbio estrangeiro e promover transações transfronteiriças de yuan.

O pesquisador da Academia Chinesa de Ciências Sociais, Yin Zhentao, avalia que a criação do departamento é uma medida crucial na estratégia do país para construir uma estrutura baseada em dois pilares, consistindo de política monetária e avaliação macro-prudente.

O departamento consolidará ainda mais o papel do BPC na regulação financeira, aponta Yin.

O comunicado destaca também que o banco central ajustará as responsabilidades dos seus departamentos e do seu pessoal, com a finalidade de aumentar a eficiência e a qualidade de serviço.

Estabelecido em 1948, o BPC é o banco central da China e desempenha um papel significativo na gestão de macroeconomia do país.

As funções principais da instituição consistem em esboçar leis e regulamentos, formular e implementar políticas monetárias, emitir a moeda, regular o mercado financeiro e salvaguardar a estabilidade financeira.

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001377974571