Presidente do Fed adverte sobre impacto negativo da prolongada paralisação do governo na economia dos EUA

2019-01-11 16:20:36丨portuguese.xinhuanet.com

Washington, 10 jan (Xinhua) -- Jerome Powell, presidente da Reserva Federal dos Estados Unidos (Fed), disse na quinta-feira que a paralisação prolongada do governo federal iria claramente impactar a economia.

Durante uma entrevista no Clube Econômico de Washington, D.C., Powell disse que a paralisação continuada parou alguns dos dados que o Fed precisava, tornando a perspectiva da economia dos EUA menos clara, complicando assim a tomada de decisões políticas.

"Teremos uma imagem menos clara da economia caso ela continue por muito mais tempo", disse Powell.

O Serviço de Análise Econômica (BEA, na sigla em inglês), um escritório do Departamento de Comércio dos EUA, já parou de atualizar dados por semanas devido à paralisação.

O BEA monitora os produtos internos brutos (PIB) dos Estados Unidos e muitos outros indicadores cruciais, incluindo um conjunto de dados chamado "índice de preços das despesas de consumo pessoal", que é o indicador de inflação preferido do Fed.

O Departamento de Censo dos Estados Unidos, que fornece dados sobre comércio internacional, fabricação, construção, habitação e muitos outros, também parou as atualizações devido à falta de financiamento federal.

Para alguns investidores que passaram pela recente volatilidade nos mercados financeiros, a falta de dados também dificultou a avaliação do desempenho da economia.

A presidência do Fed também advertiu que se uma "paralisação prolongada" acontecesse, o impacto na economia "apareceria nos dados muito claramente."

A luta partidária forçou a paralisação parcial do governo que já está em seu vigésimo dia e, sem fim à vista, está prestes a torná-lo o mais longo na história dos EUA.

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001377365601