Embaixada chinesa em Ottawa insiste ao Canadá para liberar funcionária da Huawei

2018-12-06 20:05:23丨portuguese.xinhuanet.com

Ottawa, 5 dez (Xinhua) -- A embaixada chinesa em Ottawa pediu nesta quarta-feira ao Canadá para liberar Meng Wanzhou, diretora financeira da Huawei, que foi presa em Vancouver a pedido das autoridades americanas.

"Por solicitação da parte americana, a parte canadense prendeu uma cidadã chinesa que não violava nenhuma lei americana nem canadense. A parte chinesa se opõe firmemente e protesta energicamente contra este tipo de ação, que prejudica gravemente os direitos humanos da vítima", disse o porta-voz da embaixada chinesa em um comunicado.

"A parte chinesa apresentou solenes representações às partes americana e canadense, e insistiu que corrijam imediatamente as irregularidades e restaurem a liberdade pessoal da senhora Meng Wanzhou. Continuaremos a acompanhar atentamente o desenvolvimento do problema e tomaremos todas as medidas para proteger com determinação os direitos e interesses legítimos dos cidadãos chineses", acrescentou o porta-voz.

A Huawei negou nesta quinta-feira que sua diretora financeira corporativa, Meng Wanzhou, detida provisoriamente pelas autoridades canadenses, tenha cometido qualquer irregularidade.

A multinacional chinesa indicou que à companhia foi proporcionada muito pouca informação em relação às acusações e declarou que não tem conhecimento de nenhum delito por parte da senhora Meng.

A Huawei disse em um comunicado que cumpre com todas as leis e todos os regulamentos aplicáveis onde opera, incluindo leis e regulamentos aplicáveis de controle e sanção de exportações da Organização das Nações Unidas (ONU), dos Estados Unidos e da União Europeia (UE).

"A companhia acredita que os sistemas jurídicos canadense e americano finalmente chegarão a uma conclusão justa", precisou o comunicado.

Meng foi detida provisoriamente pelas autoridades canadenses, por solicitação dos Estados Unidos, quando estava fazendo uma conexão aérea no Canadá, segundo a declaração.

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001376555441