Agência de segurança de transporte da Indonésia revela problema com avião da Lion Air antes do acidente

2018-11-08 16:33:39丨portuguese.xinhuanet.com

Jacarta, 7 nov (Xinhua) -- Um dia antes do acidente aéreo da Lion Air em 29 de outubro, o sensor do ângulo de ataque (AOA, na sigla em inglês) do praticamente novo jato Boeing 737 Max 8 apresentou erro, de acordo com o KNKT (Comitê Nacional de Segurança de Transportes da Indonésia) na quarta-feira.

Soerjanto Tjahjono, chefe do KNKT, fez a revelação em uma coletiva de imprensa.

Ele disse que durante um voo de Bali para Jacarta em 28 de outubro, o sensor de AOA do avião apresentou erro - os sensores AOA esquerdo e direito não estavam alinhados em cerca de 20 graus.

Sensores AOA são indicadores para a posição de altitude de um avião contra o fluxo de ar, a posição de diferença do sensor AOA se liga ao indicador de velocidade da aeronave, observou Tjahjono.

"O piloto realizou vários procedimentos, que finalmente levaram o avião a pousar em segurança em Jacarta", disse Tjahjono.

"O sucesso em pilotar o avião que sofreu com essa falha se tornou nossa base para recomendar à Boeing que compartilhe tais procedimentos com todos os aviões que enfrentem tal circunstância", acrescentou.

Na terça-feira, o comitê disse que o avião da Lion Air sofreu com a falha no indicador de velocidade nos últimos quatro vôos, incluindo o voo de Manado para Bali, um dia antes do avião da Lion Air continuar voando para Jacarta.

"Um sensor de AOA foi substituído em Bali em 28 de outubro, depois que o piloto informou um defeito no indicador de velocidade", disse Tjahjano.

O sensor AOA substituído foi enviado para Jakarta para investigação pelo KNKT e mais tarde será enviado ao seu fabricante nos Estados Unidos para uma nova investigação, disse Tjahjano.

Para descobrir a seriedade dos riscos com o mau funcionamento do sensor, o investigador indonésio realizaria uma reconstrução de voo nas instalações da Boeing nos Estados Unidos.

"O KNKT planeja realizar uma reconstrução de voo na instalação de simuladores de engenharia da Boeing em Seattle para descobrir o impacto da falha no sensor", disse ele.

Além disso, disse Tjahjano, os investigadores do KNKT precisam recuperar o gravador de voz da cabine para descobrir o que estava acontecendo nos últimos minutos antes que o avião caísse nas águas.

O KNKT revelou que insiste em recuperar o gravador, embora os socorristas encerrem sua missão de busca em breve.

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001375921511