Coreia do Sul revê retirada de sanções individuais à RPDC: Ministro dos Negócios Estrangeiros

2018-10-11 11:10:20丨portuguese.xinhuanet.com

Seul, 10 de outubro ( Xinhua) -- A chanceler sul-coreana Kang Kyung-hwa disse nesta quarta-feira que seu ministério está "revisando com os ministérios relevantes" o levantamento de sanções individuais do país contra a República Popular Democrática da Coreia (RPDC).

Kang fez as declarações durante a inspeção parlamentar dos gabinetes do governo na Assembléia Nacional, depois de ter sido questionado por Lee Hae-chan, chefe do Partido Democrata no poder.

As sanções independentes do país, denominadas medidas de 24 de maio, foram adotadas em maio de 2010 pelo então governo de Lee Myung-bak depois que uma corveta da Marinha sul-coreana afundou no que Seul afirmou ser um ataque de torpedos da RPDC.

A Coreia do Norte negou qualquer envolvimento no incidente.

O governo do ex-presidente sul-coreano, Park Geun-hye, sucessor de Lee, fechou o Complexo Industrial de Kaesong, na cidade fronteiriça de Kaesong, na RPDC, depois do quarto teste nuclear de Pyongyang em janeiro de 2016.

O parque fabril foi o último projeto de cooperação econômica intercoreana após as medidas de 24 de maio que cortaram todos os laços econômicos das duas Coreias.

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001375251241