Todos os 12 garotos e treinador de futebol são resgatados de caverna inundada no norte da Tailândia

2018-07-12 10:08:16丨portuguese.xinhuanet.com

Narongsak Osatanakorn (2º, d), chefe do centro de comando conjunto que coordena a operação de resgate, participa de uma coletiva de imprensa em Chiang Rai, Tailândia, 10 de julho de 2018. Todos os 12 garotos e seu treinador de futebol foram resgatados de uma caverna inundada no norte da Tailândia, onde ficaram presos por 18 dias, informaram as equipes de resgate na terça-feira. Os 12 jovens jogadores de futebol, com idades entre 11 e 16 anos, e seu treinador de 25 anos desapareceram durante uma excursão na caverna de Tham Luang, no norte da Tailândia, desde 23 de junho. (Xinhua/Rachen Sageamsak)

Chiang Rai, Tailândia, 10 jul (Xinhua) -- Todos os 12 garotos e seu treinador de futebol foram resgatados de uma caverna inundada no norte da Tailândia, onde ficaram presos por 18 dias, informaram as equipes de resgate na terça-feira.

"Tornamos uma missão impossível, numa missão cumprida, que é o primeiro caso no mundo", disse Narongsak Osatanakorn, chefe do centro de comando conjunto que coordena a operação, em uma coletiva de imprensa, na noite de terça-feira.

Narongsak confirmou que um médico e todos os mergulhadores SEAL da marinha envolvidos na missão de resgate também deixaram a caverna em segurança.

"Nós testemunhamos o poder do amor. O muito todo enviou seu amor para os 13 garotos. Os heróis desta vez são pessoas de todo o mundo", disse ele, referindo-se à equipe multinacional que ajudou na operação de resgate.

Os 12 garotos jogadores de futebol, com idades entre 11 e 16 anos, e seu técnico de 25 anos, desapareceram durante uma excursão na caverna de Tham Luang, na província de Chiang Rai, no norte da Tailândia, desde 23 de junho.

Eles foram encontrados em 02 de julho, após nove dias de busca realizada com mais de 1.000 socorristas.

Em uma missão extremamente difícil, os socorristas tiveram que mergulhar os meninos para fora da caverna, uma vez que as passagens estavam submersas por uma inundação repentina. Os meninos foram treinados com habilidades básicas de mergulho.

Uma equipe de mais de 100 mergulhadores especializados estava trabalhando na caverna, guiando os meninos e seu treinador pela escuridão e pelas passagens inundadas em direção à boca do sistema de cavernas.

O processo de resgate incluiu trechos de caminhada, escalada e mergulho ao longo das cordas guia.

Cada garoto, usando uma máscara facial completa, foi acompanhado por dois mergulhadores, que também carregavam o suprimento de ar dos meninos.

A primeira operação de resgate durou horas e foi realizada no domingo, retirando quatro garotos da caverna. Outros quatro meninos foram retirados pela mesma equipe na segunda-feira. Esses oito garotos foram levados para tratamento no hospital e estavam em boas condições, segundo fontes hospitalares.

Os quatro garotos restantes e seu técnico foram resgatados na terça-feira e enviados ao hospital por helicópteros.

O treinador de futebol foi um dos últimos a ser retirado da caverna.

A cidade de Chiang Rai explodiu em comemoração ao noticiar que todas as 13 pessoas presas na caverna foram retiradas com segurança.

A alegria era geral num escritório do governo local, onde dezenas de voluntários e jornalistas aguardavam atualizações sobre o sucesso da intrincada missão de alto risco.

Pessoas na rua vibraram e aplaudiram quando as ambulâncias que transportavam os últimos garotos chegaram ao hospital da cidade.

Mergulhadores voluntários chineses que se juntaram à missão de resgate a chamaram de "operação tremenda e muito perigosa".

De acordo com funcionários da operação de resgate, a caverna deverá ser fechada. 

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001373187961