Sichuan Airlines examina janelas de cabine após pouso forçado

2018-05-17 13:45:10丨portuguese.xinhuanet.com

Chengdu, 17 mai (Xinhua) -- A Sichuan Airlines executou uma inspeção em suas aeronaves após uma delas ter sido forçada a aterrissar depois da queda de sua janela do lado direito da cabine do piloto na segunda-feira.

Nenhum problema foi descoberto durante a verificação, disse a companhia aérea nesta quarta-feira.

O voo 3U8633, operado pela Sichuan Airlines, foi forçado a desviar para Chengdu durante viagem na rota entre o Município de Chongqing, sudoeste da China, e Lhasa, capital da Região Autônoma do Tibet.

A Administração Estatal de Aviação Civil (AEAC) da China disse que a janela da cabine do piloto quebrou quando o Airbus A319 sobrevoava Chengdu. A tripulação promulgou código de emergência 7700 e o voo aterrissou no aeroporto local.

A investigação da AEAC descobriu que a janela quebrada era original e não tinha nenhuma falha ou relatório de manutenção desde que aeronave entrou em operação em 26 de julho de 2011.

Todos os tripulantes e os 119 passageiros pousaram com segurança. Dois tripulantes estão ainda recebendo tratamento.

A investigação está em andamento.

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001371859931