Novos empréstimos em yuan na China batem recorde em janeiro

2018-02-13 13:20:00丨portuguese.xinhuanet.com

Beijing, 13 fev (Xinhua) -- Os novos empréstimos denominados em yuan na China atingiram o recorde de 2,9 trilhões de yuans (US$ 458,2 bilhões) em janeiro, 867 bilhões de yuans a mais que no mesmo período do ano anterior, de acordo com os dados divulgados na segunda-feira pelo Banco Popular da China (BPC).

O volume foi mais que as previsões do mercado de cerca de 2,1 trilhões de yuans e quase cinco vezes a cifra de dezembro, quando os novos empréstimos foram de 584,4 bilhões de yuans.

O M2, uma ampla medida de oferta monetária que cobre o dinheiro em circulação e todos os depósitos, chegou a 172,1 trilhões de yuans no final de janeiro, 8,6% a mais em termos anuais, em relação ao crescimento de 8,1% do mês anterior, indicou o BPC em um comunicado.

Já a medida estreita de oferta monetária M1, dinheiro em circulação mais os depósitos à vista, subiu 15% anualmente para 54,3 trilhões de yuans no final de janeiro. A taxa de crescimento aumentou 3,2 pontos percentuais em comparação com o mês anterior.

O M0, quantia de dinheiro em circulação, caiu 13,8%, para 7,5 trilhões de yuans.

Em janeiro se registrou uma injeção líquida de dinheiro de 399,1 bilhões de yuans, acrescentou o banco central chinês.

O financiamento social total, uma medida ampla dos recursos que as empresas não financeiras e as famílias tiram do sistema financeiro, chegou a 3,1 trilhões de yuans no mês passado, 636,7 bilhões de yuans menos que um ano atrás.

Os novos depósitos em yuan foram de 3,9 trilhões de yuans, um crescimento anual de 2,4 trilhões de yuans.

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001369722301