Empresas estrangeiras devem respeitar soberania e integridade territorial da China

2018-01-12 19:37:23丨portuguese.xinhuanet.com

Beijing, 12 jan (Xinhua) -- Um porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China pediu nesta sexta-feira que as empresas estrangeiras respeitem a soberania e a integridade territorial do país depois que a Marriott Internacional, uma rede de hotéis dos Estados Unidos, listou territórios chineses incluindo Hong Kong, Macau, Taiwan e Tibet como "países" em um questionário.

Hong Kong, Macau, Taiwan e Tibet, todas são partes da China, o que é não apenas um fato básico, mas também o consenso da comunidade internacional, disse o porta-voz Lu Kang em uma coletiva de imprensa diária.

"Nós damos as boas-vindas às empresas estrangeiras que querem fazer negócios na China. Entretanto, eles devem respeitar a soberania e a integridade territorial do país, observar a lei chinesa, e respeitar os sentimentos dos chineses, que é o fundamento para qualquer companhia fazer negócios em qualquer país", disse Lu.

A Marriott Internacional já foi investigada pelas autoridades locais, e Arne Sorenson, presidente e diretor executivo da Marriott International Inc., pediu desculpa na quinta-feira para o incidente.

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001368913041