Ministro português pede desculpas após 5ª morte por surto de Legionella

2017-11-14 16:09:44丨portuguese.xinhuanet.com

Lisboa, 13 nov (Xinhua) -- Uma quinta pessoa morreu por causa do surto de Legionella em Lisboa na segunda-feira, quando o Ministério da Saúde se desculpou publicamente.

A Direção-Geral da Saúde (DGS) anunciou que uma mulher de 76 anos morreu após o surto no hospital São Francisco Xavier.

O ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes, respondeu às notícias pedindo desculpas "em nome do hospital, das empresas responsáveis pela vigilância e a Administração Regional de Saúde do Vale do Tejo."

O surto no hospital foi detectado pela primeira vez em 31 de outubro. O foco foi atribuído ao sistema de água do hospital, mas a fonte exata ainda não foi determinada.

Legionella é uma bactéria que vive na água. É mais conhecida como a bactéria que causa a doença do Legionário, uma forma grave de pneumonia.

O tempo máximo de incubação da bactéria é de 10 dias.

O número de infectados aumentou para 48, confirmou o DGS, mas novos casos não são esperados.

Mais mortes não podem ser descartadas. A maioria dos diagnosticados são idosos e 6 estão na UTI.

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001367515671