Pesquisador de história detido no Irã não é cidadão chinês, diz chancelaria chinesa

2017-07-17 19:17:08丨portuguese.xinhuanet.com

Beijing, 17 jul (Xinhua) -- O pesquisador norte-americano condenado a dez anos de prisão por espionagem no Irã não é cidadão chinês, declarou na segunda-feira um porta-voz da chancelaria chinesa.

Reportagens de imprensa alegaram que Wang Xiyue, pesquisador de 37 anos que foi preso por dez anos no Irã por ser considerado "um agente norte-americano infiltrado", possui cidadania dupla, da China e dos EUA.

O porta-voz Lu Kang negou a afirmação dizendo que a China não reconhece dupla nacionalidade.

"Como ele possui cidadania norte-americana, posso dizer que ele definitivamente não é cidadão chinês", afirmou.

Fale conosco. Envie dúvidas, críticas ou sugestões para a nossa equipe através dos contatos abaixo:

Telefone: 0086-10-8805-0795

Email: portuguese@xinhuanet.com

010020071380000000000000011100001364505751