Chefe do Executivo de Hong Kong deve defender "um país, dois sistemas", diz Diário do Povo

2017-04-12 10:00:32丨portuguese.xinhuanet.com

Beijing, 12 abr (Xinhua) -- O Diário do Povo, jornal oficial do Partido Comunista da China (PCC), publicou um comentário na quarta-feira pedindo que a próxima chefe do Executivo da Região Administrativa Especial de Hong Kong (RAEHK) implemente firmemente o princípio "um país, dois sistemas".

Na terça-feira, a Lam Cheng Yuet-ngor foi concedido em Beijing o certificado oficial de nomeação como a chefe do Executivo da RAEHK do quinto mandato.

A nomeação veio com grandes responsabilidades, diz o artigo.

Observa que Hong Kong está no meio de uma importante fase de desenvolvimento, com tanto desafios como oportunidades. "A chefe do Executivo recém-nomeada da RAEHK deve ter sabedoria e coragem, com ampla mente e sendo responsável".

Desde o retorno de Hong Kong à pátria, 20 anos atrás, a prática do princípio "um país, dois sistemas" tem sido um sucesso reconhecido extensamente, diz o comentário, acrescentando que a região continua a desfrutar da prosperidade e estabilidade e alcançou progresso em diversos empreendimentos.

A chefe do Executivo da RAEHK deve implementar firmemente o princípio "um país, dois sistemas", apoiar a Constituição e a Lei Básica e estar comprometida ao Estado de direito, segundo o texto.

A chefe do Executivo deve seguir adequadamente o princípio "um país, dois sistemas" e respeitar as diferenças entre os dois sistemas, entre defesa do poder do governo central e manutenção de um alto grau de autonomia, e entre os interesses nacionais e a estabilidade da região, diz.

Ela deve tomar a liderança em lidar com os problemas relacionados à economia e sustento da população, solucionando conflitos sociais e aproveitando-se de estratégias nacionais para desenvolver a região, observa o comentário.

Nos últimos duas décadas, Hong Kong foi apoiado pelas áreas do interior, já que os destinos dos dois lados estão entrelaçados, diz o artigo, pedindo que a RAEHK contribua para a grande restauração da nação chinesa.

010020071380000000000000011100001362020251