China pede que comunidade internacional melhore governança internacional sobre direitos humanos

2017-03-21 12:39:04丨portuguese.xinhuanet.com

Genebra, 21 mar (Xinhua) -- O chefe da missão chinesa nas Nações Unidas em Genebra, Ma Zhaoxu, pediu na segunda-feira que a comunidade internacional melhore a governança global sobre direitos humanos.

"Em um mundo globalizado, os países estão cada vez mais interconectados em seus interesses com um destino compartilhado. No entanto, os desafios globais representam uma ameaça para o bem-estar das pessoas de todos os países", disse Ma em um debate geral na 34ª Sessão do Conselho de Direitos Humanos, em nome de um grupo regional de 36 países em desenvolvimento.

O chefe da missão sublinhou que agora é o momento de desenvolver e melhorar a governança global em direitos humanos, promover o desenvolvimento saudável e sustentável da causa internacional dos direitos humanos e unir nossos esforços para construir uma comunidade de futuro compartilhado para os seres humanos.

Para obter esse objetivo, o diplomata chinês propôs que a comunidade internacional continue comprometida à igualdade soberana, ao multilateralismo, à cooperação de benefício mútuo, à abertura e à inclusão, assim como à paz e desenvolvimento.

"Devemos desenvolver e melhorar as instituições dos direitos humanos da ONU, garantir o cumprimento de seus mandatos de uma forma imparcial, objetiva, construtiva e não seletiva, dar atenção igualitária a todas as categorias de direitos humanos e facilitar a busca de bases comuns em meio a diferenças e construir um consenso entre todas as partes, com o objetivo de injetar um ímpeto forte à causa internacional dos direitos humanos."

"Sem paz e sem desenvolvimento, os direitos humanos são como uma árvore sem raízes", disse o chefe da missão chinesa. "Devemos estar comprometidos a manter a paz prolongada, realizando desenvolvimento comum, para estabelecer uma base sólida para a promoção e proteção dos direitos humanos".

010020071380000000000000011100001361453141