Tibet começa "revolução dos banheiro" para impulsionar turismo

2017-01-12 12:34:00丨portuguese.xinhuanet.com

Lhasa, 12 jan (Xinhua) -- Uma "revolução dos banheiro" vai começar este ano com um investimento pesado na Região Autônoma do Tibet, no sudoeste da China, com o objetivo de melhorar as condições sanitárias e impulsionar o turismo.

A região gastará 1,2 bilhão de yuans (US$ 173 milhões) na construção e reforma de 2 mil banheiros em 2017, disse Losang Jamcan, presidente do governo regional.

Na última década, alguns banheiros secos nas cidades do Tibet foram substituídos por descargas, mas banheiros secos ainda existem nas áreas rurais.

Um total de 2 mil banheiros será construído principalmente nos pontos turísticos, ao longo das principais estradas e em locais públicos com alta concentração de moradores e turistas, segundo Sonam Nyima, diretor do Departamento de Habitação e Desenvolvimento Urbano-Rural do Tibet.

O tratamento dos resíduos deve estar de acordo com os requisitos de proteção ambiental e garantir dano zero ao meio ambiente, disse ele.

A cidade de Shannan, no sul da região, planeja construir 200 novos banheiros nos destinos turísticos este ano.

Uma "revolução dos banheiro" também está em andamento em outros lugares da China. O padrão nacional exige que os "banheiros nas casas rurais tenham paredes, telhados, portas e janelas e que tenham pelo menos dois metros quadrados de tamanho. Eles podem ser banheiros de descarga ou secos com tanques de armazenamento subterrâneos.

010020071380000000000000011100001359766321